Join us on a literary world trip!
Add this book to bookshelf
Grey
Write a new comment Default profile 50px
Grey
Subscribe to read the full book or read the first pages for free!
All characters reduced
Daqui e d'além mar - Cartas do Rio - cover

Daqui e d'além mar - Cartas do Rio

Rachel Gutiérrez

Publisher: Jaguatirica

  • 0
  • 0
  • 0

Summary

Rachel Gutiérrez publica em ‘Daqui e d’além mar’ suas conhecidas Cartas do Rio, que falam do Rio de Janeiro e da Europa, 'em uma escrita luminosa e erudita'. Com a bela arte de Dorindo Carvalho, consagrado artista plástico português, orelha de António Gomes Marques e prefácio de Carlos Loures, a seleção de Rachel apresenta 36 cartas sobre literatura, sobre mulheres e feminismo e, por fim, sobre viagens. Em seu texto lúcido e repleto de referências culturais, Rachel fala-nos de um Brasil hostil, que pode matar-nos a esperança, mas também fala do 'Brasil criador de uma das poesias mais belas do mundo, de um povo que transpira música por todos os poros'. Sua escrita faz uma bela ponte com a Europa, atravessando os filósofos, a poesia, a pintura, e sobretudo as mulheres que se destacam e são capazes de fazer um mundo melhor.

Other books that might interest you

  • Eu - Parte 1 da Trilogia - cover

    Eu - Parte 1 da Trilogia

    Kleber Mazziero

    • 0
    • 0
    • 0
    EuGênero: comédia - Monólogo Arthur Coimbra é o escritor que chega ao Purgatório. Desde lá, conta sua vida "em contagem regressiva".Assistimos ao grande escritor narrar tudo o que passou e viveu em cada u
    Show book
  • Órfãos de São Paulo - cover

    Órfãos de São Paulo

    Ricardo Mituti

    • 0
    • 0
    • 0
    Um romance nascido do fato de se acreditar que há um caminho possível, apesar de tudo. E, nesse contexto, não há contradição, uma vez adotado o desamparo como condição. Mas o que cabe nesse desvão, nesse abismo existente entre duas formas, é tão desafiador quanto a imensidão das grandes cidades. A metrópole, a Sampa, assanha nossos sonhos, podendo se revelar impiedosa como um moedor de carnes ou um lugar, um caminho feito sob medida para nossos anseios. A história de Fabiana e Gabriel, como as nossas, é fruto desse tempo, dessa ambiguidade. Agora, o que verdadeiramente perturba, é o retrato do qual a cidade emerge sem direito à solidão, ao esquecimento. Todos se entregam a ela e lhe reviram a alma, condenando-a a esse constante burburinho que faz seus cruzamentos sempre algo convulsivos.
    Show book
  • A Princesa da Babilônia - cover

    A Princesa da Babilônia

    Voltaire

    • 0
    • 0
    • 0
    “A princesa de Babilôniaz” é uma novela de leitura agradável, além de extremamente instrutiva. Voltaire apresenta, concomitantemente: amor ingênuo e puro, amor carnal, fidelidade e traição, amizade, ódio, vingança, inveja, prazer e dor, guerras, mortes, ressurreição, afeição e respeito pelos animais.O jovem herói Amazam se apaixona por Formosante, a princesa da Babilônia. Julgando-se traído resolve correr o mundo e Formosante sai em busca dele para desfazer o equívoco e comprovar sua fidelidade. É o recurso que Voltaire emprega para descrever os costumes e instituições de inúmeras nações e culturas da antigüidade e, como sempre, criticá-las com ironia e acidez.O autor, nesta obra, é um pouco parcimonioso em sua s irreverências, mas não deixa de ser cáustico algumas vezes. Sobre as batalhas, tão freqüentes na antigüidade com o hoje, Voltaire é incisivo: os homens que comem carne e tomam beberagens fortes têm todos um sangue azedo e adusto, que os torna loucos de mil maneiras diferentes.
    Show book
  • O Príncipe - cover

    O Príncipe

    Maquiavel

    • 0
    • 0
    • 0
    O Príncipe, escrito de 1513 a 1516, é um dos tratados políticos mais importantes na construção do conceito de Estado como modernamente conhecemos.Continua atual. Obra magna de Maquiavel, o Príncipe discute não só as diversas maneiras de se conduzir negócios públicos com o também e, principalmente, estratégias para manter um principado (nos dias de hoje, uma empresa) forte e unido.Marcada pela famosa expressão “os fins justificam os meios” (que não se encontra no texto!), deu forma à interpretação tradicional do pensamento maquiavélico e instalou-se na história da humanidade como um dos textos mais lidos e com entados de todos os tempos.Não só um livro sobre política o Príncipe retrata com seriedade a derrocada da moral em no me de um bem maior, redefinindo o conceito de virtude. Não mais compaixão, Maquiavel afirma que ao soberano (ou ao homem de negócios) é qualidade ser audacioso e ter a coragem para se fazer presente, inclusive nos momentos de perigo.
    Show book
  • Contos Fantasticos de Machado de Assis Parte 1 - cover

    Contos Fantasticos de Machado de...

    Machado de Assis

    • 0
    • 0
    • 0
    Machado de Assis é, sem dúvidas, o maior escritor brasileiro de todos os tempos. Seus contos, irônicos, irreverentes, despretensiosos e geniais, no s quais o que  se lê é  somente a ponta de um iceb
    Show book
  • A Desencarnação de Léon Denis - cover

    A Desencarnação de Léon Denis

    José Jorge

    • 0
    • 0
    • 0
    Estamos apresentando um trabalho em torno de assuntos e de vultos que tiveram papel preponderante no Espiritismo. Apresentamos a figura de Léon Denis sob um aspecto novo para a maioria dos leitores: o de consolidador do movimento espírita. Na sequência dos discursos apresentados por ocasião das suas exéquias, sentimos ter sido ele o grande elo de união dos espíritas franceses que, à época, sem sombra de dúvida, eram os mais representativos do moviumento doutrinário.
    Show book