Reading without limits, the perfect plan for #stayhome
Add this book to bookshelf
Grey
Write a new comment Default profile 50px
Grey
Read online the first chapters of this book!
All characters reduced
A mentira mora ao lado (Um mistério psicológico de Chloe Fine – Livro 2) - cover

A mentira mora ao lado (Um mistério psicológico de Chloe Fine – Livro 2)

Blake Pierce

Publisher: Blake Pierce

  • 0
  • 20
  • 0

Summary

“Uma obra-prima de suspense e mistério. Blake Pierce fez um trabalho magnífico criando personagens com lados psicológicos tão bem descritos que nos fazem sentir dentro de suas mentes, acompanhando seus medos e celebrando seu sucesso. Cheio de reviravoltas, este livro vai lhe manter acordado até que você chegue à última página.”
--Books and Movie Reviews, Roberto Mattos (sobre Once Gone)

A MENTIRA MORA AO LADO (Um Mistério de Chloe Fine) é o segundo livro da nova série de suspenses psicológicos do autor de best-sellers Blake Pierce, cujo sucesso número 1, Once Gone (baixe grátis), já recebeu mais de 1.000 avaliações de cinco estrelas.

A agente da Equipe de Evidências do FBI, Chloe Fine, de 27 anos, ainda se recuperando dos segredos de seu passado, encontra-se envolvida em seu primeiro caso: o assassinato de uma babá em um bairro suburbano aparentemente perfeito.

Imersa em um mundo de segredos, de casais infiéis, fingimentos e esperteza, Chloe logo percebe que qualquer um—toda e qualquer pessoa—pode ser culpado. Ao mesmo tempo, com seu pai ainda preso, ela precisa lutar contra seus próprios demônios e desvendar seus próprios segredos, que ameaçam derrubá-la antes mesmo do início de sua carreira.

Um suspense psicológico repleto de emoção com personagens robustos, em um ambiente de cidade pequena e que acelera o coração. A MENTIRA MORA AO LADO é o segundo livro de uma nova série fascinante, que o fará ler páginas e páginas noite adentro.

O terceiro livro da série CHLOE FINE estará disponível em breve.

Other books that might interest you

  • Viuvinha A - cover

    Viuvinha A

    José De Alencar

    • 0
    • 0
    • 0
    A Viuvinha é um romance de autoria de José de Alencar, escritor brasileiro, publicado em 1857. A obra inclui-se entre os chamados romances urbanos, que retratam os costumes da sociedade carioca do Segundo Reinado. Jorge, um jovem que herdara uma boa fortuna do pai, planeja casar-se com Carolina, uma bela moça que conhecera na igreja. Um dia antes do casamento, porém, ele descobre que a empresa do pai estava falida, em função dos gastos demedidos do rapaz. O suicídio lhe parece a única solução, e a graciosa Carolina é deixada viúva no dia seguinte ao seu próprio casamento.(Resumo escrito por Leni)
    Show book
  • A outra mulher - cover

    A outra mulher

    Daniel Silva

    • 0
    • 0
    • 0
    Num lugarejo isolado da Andaluzia vive uma misteriosa mulher de nacionalidade francesa que começou a escrever umas memórias mais do que perigosas. É a história de um homem que em tempos amou em Beirute, e de um filho que lhe foi arrebatado em nome da traição. A mulher é a guardiã do segredo mais bem guardado pelo Kremlin: há décadas o KGB infiltrou um agente duplo em pleno coração do ocidente, um traidor que hoje se encontra à beira do poder absoluto. Só uma pessoa é capaz de pôr esta conspiração a nu: Gabriel Allon, o já lendário restaurador de arte e assassino que na atualidade exerce o cargo de diretor dos eficacíssimos serviços secretos israelitas. Já anteriormente Gabriel se vira obrigado a combater as sombrias forças da nova Rússia, com repercussões pessoais custosas. Desta feita, ele e os russos travarão um confronto final épico em que o destino do mundo que conhecemos está em causa. Gabriel vê-se empurrado para o meio da conspiração quando o seu ativo mais importante no seio dos serviços secretos russos é assassinado enquanto tentava desertar em Viena.
    A procura da verdade levá-lo-á a recuar no tempo, até à maior traição do século xx para terminar nas margens do Potomac em Washington. A mil por hora, estranhamente belo e cheio de sentidos duplos e reviravoltas na ação, este livro é um verdadeiro golpe de mestre que demonstra mais uma vez que Daniel Silva é pura e simplesmente o melhor escritor de romances de espionagem dos nossos tempos.
    Sobre o romance
    "Outra joia para a deslumbrante coroa do mestre da literatura de espionagem…Desta feita, deparamo-nos inclusive com uma história de fundo mais elaborada do que o normal, tão convincente como o drama tenso que se desenrola lentamente para terminar num maravilhoso final."
    Booklist
    "Excelente… os leitores sentir-se-ão cativadostanto pela história como pelas intrigas assaz atuais com que Silva joga com delicadeza."
    Publishers Weekly
    "A outra mulher é desde já um clássico que consagra Daniel Silva como um dos melhores romancistas de espionagem que o género alguma vez conheceu."
    CrimeReads
    Sobre Casa de espiões
    "Bem-vindos ao grande romance de espionagem do século XXI."
    Juan Carlos Galindo, El País
    "São perfeitas as descrições do califado do ISIS, da ameaça do terrorismo e deMarrocos como exportador de haxixe e jihadistas."
    La Razón
    Sobre A viúva negra
    "Nos livros de Silva, e A viúva negra é o último exemplo, está a realidade do mundo conturbado em que vivemos. E muito espetáculo, que de vez em quando não calha nada mal."
    Juan Carlos Galindo, El País
    Show book
  • A morte e os seis mosqueteiros - cover

    A morte e os seis mosqueteiros

    Anatole Jelihovschi

    • 0
    • 0
    • 0
    A morte e os seis mosqueteiros’ e? a histo?ria de seis amigos que tiveram a infa?ncia e juventude marcadas por viole?ncia e tra?fico na comunidade em que vivem. Anatole mostra como o ambiente e as ma?s escolhas podem corromper a beleza e a inoce?ncia, e tornar os sonhos infantis em pesadelos sem fim.
    Show book
  • Tanto faz - cover

    Tanto faz

    Agliberto Cerqueira

    • 0
    • 0
    • 0
    Em 'Tanto faz', romance de Agliberto Cerqueira, um marqueteiro inescrupuloso e bon vivant vai trabalhar em Esunamerdon, país emergente e vizinho ao seu, com a promessa de vultosos ganhos e ai ncumbência de eleger o candidato (um palhaço) escolhido pela oposição. Durante a campanha, após apaixonar-se pela esposa do amigo que o convidara para o trabalho, entre outras relações e pares amorosos inusitados, ele percebe a iminente derrota e convence o partido a adotar um outro candidato (um cachorro muito querido pelo povo) para que ele vença a eleição e entregue o poder ao palhaço, o vice. Com essa estratégia, desencadeia-se uma desordem institucional divertida onde falta plano de governo e sobram denúncias, paixões e muita corrupção. Vitorioso, o marqueteiro volta ao seu país, constrói uma família tradicional e promete à esposa que jamais participará de novas campanhas. Mas, antes que o livro acabe, ele recebe um convite irrecusável.
    Show book
  • Estradas de outono - cover

    Estradas de outono

    Lou Berney

    • 0
    • 0
    • 0
    A Frank Guidry acabou-se-lhe a sorte. Empregado fiel de Marcello, o capo da máfia de Nova Orleães, Guidry tem noção de que todas as pessoas são prescindíveis. Mas agora tocou-lhe a ele, pois sabe demasiado sobre o crime do século: o assassinato de JFK. Quase sem opções, Guidry faz-se à estrada a caminho de Las Vegas para se encontrar com um antigo parceiro. Guidry sabe que a primeira regra para fugir é "não parar", mas quando vê uma mulher com o carro avariado à beira da estrada, acompanhada pelas duas filhas pequenas e um cão, descobre a maneira perfeita de ocultar os seus passos. Ela também escapou, mas de uma existência asfixiante numa pequena cidade de Oklahoma.Outra regra: os fugitivos não devem apaixonar-se, especialmente uns pelos outros. Guidry não pode virar as costas à mulher por quem se apaixonou. Mesmo que isso lhes possa custar a vida."Desde as primeiras páginas até às últimas, Lou Berney leva-nos numa viagem extraordinária... É uma história policial, uma história deamor, uma história muito americana."Megan Abbott"Um triunfo de enredo e prosa, e um brilhantereflexo das contradições da América dos anos 60, a inocência, violência e desejo."Ivy Pochoda"Lou Berney converteu-se num dos maiores expoentes da literatura policial, como um escritor subversivo capaz de surpreender os leitores mais experientes. Estradas de outono oferece-nos tudo o que esperávamos dele e ainda mais."Laura Lippman"Berney toca as suas notas de forma requintada, brincando com a melodia, construindo personagens complexos enquanto consegue que nos comprometamos com a história de amor, mesmo quando ouvimos o coro da melancolía e vemos a nuvem negra no céu. Uma ficção perfeita."Booklist"O estilo amigável e descritivo de Berney reflete na perfeição aquela época de desilusão e de esperança. Capta com eficácia aquelas poucas semanas no final de 1963, tudo o que se perdeu e tudo o que ficou inevitavelmente no horizonte."Kirkus Review"O poder do livro vem de Charlotte, que encontra uma força oculta quando enfrenta desafios inesperados. É muito mais do um simples thriller de conspiração."Publishers Weekly"Uma experiência de leitura incrível e inesquecível... Berney é um escritor que deve ser lido e admirado."Don Winslow
    Show book
  • A última vez que te vi - cover

    A última vez que te vi

    Liv Constantine

    • 0
    • 0
    • 0
    A doutora Kate English tem tudo. Não só é herdeira de uma enorme fortuna como ainda tem um marido bonito e uma filha lindíssima, uma carreira de sucesso e uma belíssima mansão de fazer inveja a qualquer um.
    Mas tudo isso está prestes a mudar. Numa noite, a mãe de Kate é encontrada morta, assassinada na sua própria casa. A seguir, Kate recebe uma mensagem: se achas que agora estás triste, espera e vais ver…
    Evidentemente, nem tudo o que parece é na alta sociedade de Baltimore e à medida que os escândalos, infidelidades e traições são expostos, a tensão aumenta sem precedentes. O assassino pode ser qualquer um: um amigo, um vizinho, a pessoa amada, um familiar. E a Kate é a próxima na lista…
    "Mais um enigma inteligente, repleto de voltas, reviravoltas e segredos suficientes para manter os ávidos leitores de thriller a perguntarem-se até ao amargo final."
    Library Journal
    "Liv Constantine deixa-nos uma boa obra com esta corrida emocionante do tipo gato e rato! À medida que personagens são desvendadas e novos suspeitos revelados, Constantine mantém-nos a adivinhar até à final e chocante reviravolta. Uma conspiração excecional, um desenvolvimento de personagens impresionante e um enredo que impressiona profundamente — A última vez que te vi tem tudo."
    Wendy Walker, autora de Nem tudo será esquecido
    "A última vez que te vi é um livro de mistério em torno de um homicidio emocionante repleto de mentiras, escândalos, obsessões e vingança. Com personagens pouco fiáveis, um enredo sinistro e cheio de reviravoltas também, Liv Constantine eleva a fasquia. A não perder!"
    Mary Kubica, autora best seller do NYT e de Não digas nada
    Show book