Join us on a literary world trip!
Add this book to bookshelf
Grey
Write a new comment Default profile 50px
Grey
Subscribe to read the full book or read the first pages for free!
All characters reduced
A irmandade - ameaça global - cover

A irmandade - ameaça global

Pedro F. Ribeiro

Publisher: Editora Gato-Bravo

  • 1
  • 5
  • 0

Summary

No livro 'A Irmandade – ameaça global', a aventura policial criada pelo escritor Pedro F. Ribeiro, acompanhamos a história do pequeno Lucas que, aos doze anos, sofre uma tragédia em família. Todos são mortos e ele é o único sobrevivente. Quem o acolhe é Hércules, que o leva para ser treinado e para crescer dentro do rigor militar de uma força clandestina, a Irmandade. A equipa compunha-se de Hércules, Prometeus, Atlas e o seu mais recente integrante, Lucas. Todos eles eram igualmente marcados pela violência e buscavam fazer justiça com as próprias mãos. Acompanhado, em maior parte, pelo seu mentor, Lucas lutará contra as suas emoções e a sua natureza, enquanto lida com as ameaças, neste romance de sangue, suor e lágrimas.

Other books that might interest you

  • 8 rosas para Britney - cover

    8 rosas para Britney

    Gessé Pereira Dos Santos

    • 0
    • 0
    • 0
    O corpo de Skaf foi congelado após um acidente que lhe tirou a vida. Antes de morrer, ele determinou que seu corpo ficasse à espera de evoluções científicas até que um dia pudesse voltar a viver.
    
     Em uma das muitas festas que frequentou, conheceu Britney, o grande amor de sua vida. O pai dela cultivava rosas em estufas e o que ela mais sonhava era ter uma loja de flores com kits personalizados.
    
    Após a morte de Skaf, Britney ficou muito abalada, tentando várias vezes o suicídio. A família dele também não aguentou a tristeza e acabou se autodestruindo. Então o Homem de capuz branco reluzente foi encarregado de trazer de volta a vida ao corpo de Skaf.
    Show book
  • Portugal - A Primeira Nação Templária - cover

    Portugal - A Primeira Nação...

    Freddy Silva

    • 0
    • 1
    • 0
    A história convencional afirma que, em 1118, nove homens formaram uma irmandade em Jerusalém chamada cavaleiros templários para dar proteção aos peregrinos que viajavam para a Terra Santa. Ao contrário, este livro demonstra que a Ordem do Templo existia uma década antes no canto oposto da Europa, no seu território mais a ocidente.
    
    Revela que a proteção dos peregrinos em Jerusalém foi confiada a uma organização distinta e que, em conluio com os monges cistercienses e a misteriosa Ordem de Sião, os templários levaram a cabo um dos planos mais ousados e secretos da história: a criação do primeiro Estado-Nação independente da Europa, Portugal, com um dos seus como rei. Com centenas de referências novas e de fontes raras, este livro revela que foi Portugal, e não Jerusalém, a primeira fortaleza dos templários. Explica ainda a motivação dos templários para criarem um novo país longe do alcance de Roma, onde pudessem cumprir a sua mais importante missão — um segredo que os templários protegeram até à morte e que custou a vida a milhares deles.
    Show book
  • O Segredo dos Templários - cover

    O Segredo dos Templários

    Lynn Picknett, Clive Prince

    • 0
    • 0
    • 0
    No decurso das suas investigações sobre o Sudário de Turim e Leonardo da Vinci, Lynn Picknett e Clive Prince descobriram indícios fortíssimos a respeito de um dos segredos mais bem guardados da história. Isso levou-os a mergulhar no mundo misterioso da mais alta espiritualidade europeia.
    
    Investigando grupos tão misteriosos como a Maçonaria, os Cátaros, os Rosacruzes e os Templários, começaram a delinear todo um novo mundo religioso, e aos poucos foram desvendando uma outra história do cristianismo - secreta e preservada ao longo dos séculos -, cuja divulgação iria certamente abalar os alicerces da Igreja. Durante esse périplo, viajaram pelo coração herético da Europa e descobriram duas grandes vertentes da heresia antiga - a extrema reverência por João Batista e a «igreja secreta» de Maria Madalena. Foi essa jornada que trouxe luz à história obscura dos Templários e a uma cruzada banhada de sangue no seio da própria Igreja, além de a uma série de mensagens codificadas em obras de arte e nas mais majestosas catedrais góticas da Europa.
    
    O Segredo dos Templários é o resultado de uma busca fascinante pela verdade, apresentando uma visão nova e surpreendente dos reais motivos dos fundadores do Cristianismo. Cuidadosa e exaustivamente documentada, esta é uma obra que revela uma história ocultada ao longo dos séculos e cujo capítulo final ainda está por ser escrito.
    
    Críticas de imprensa
    «Uma investigação histórica sensacional!»
    Washington Post
    Show book
  • Clube de Combate Feminista - cover

    Clube de Combate Feminista

    Jessica Bennett

    • 0
    • 0
    • 0
    Parte manual, parte manifesto, O Clube de Combate Feminista é um guia humorístico - mas incisivo sobre como lidar com o sexismo subtil no mundo do trabalho - que oferece conselhos de carreira para a vida real e reforço de humor para todas as mulheres.
    
    Jessica Bennett providencia um novo vocabulário para os arquétipos sexistas que as mulheres enfrentam no mundo do trabalho - como o interruptor, o homem que fala por cima das colegas durante as reuniões, ou o imitador, que está sempre a copiar ideias - e fornece conselhos práticos para que as mulheres possam movimentar-se no campo minado do mundo laboral.
    
    Certeiro e divertido, O Clube de Combate Feminista mistura histórias pessoais com investigações, estatísticas, infográficos e conselhos de peritos, sem m*rdas. Com uma investigação histórica fascinante e um conjunto de dicas para a leitora criar o próprio clube de combate, este livro aborda os comportamentos externos (sexistas) e internos (autossabotagem) que assolam as mulheres hoje em dia.
    Críticas de imprensa
    «Este manifesto pode ser a arma que as mulheres modernas procuram.»
    Booklist
    
    «Um livro que toda a gente devia ler, e não apenas as mulheres».
    Glamour
    
    «O Clube de Combate Feminista presta um excelente serviço não apenas às mulheres, mas também ao mundo.»
    New York Times
    
    «Um manifesto de serviço público extremamente necessário.»
    Playboy
    Show book
  • Noites de insomnia offerecidas a quem não póde dormir volume 1 - cover

    Noites de insomnia offerecidas a...

    Camilo Castelo Branco

    • 0
    • 0
    • 0
    Camilo Castelo Branco foi o primeiro escritor português a conseguir viver dos seus trabalhos literários. Apesar desta situação poder condicionar a sua escrita, Camilo conseguiu manter o seu estilo muito próprio que o levou a ser considerado um dos mais importantes escritores da literatura portuguesa. Noites de insomnia, offerecidas a quem não póde dormir, trata-se de uma colecção de doze volumes, de publicação mensal, em que Camilo Castelo Branco apresenta pequenos textos sobre variadas temáticas e que, segundo o próprio, foram inspirados nas suas muitas noites de insónia. ( Resumo por sailormoon )
    Show book
  • Andar a Pé - cover

    Andar a Pé

    Henry David Thoreau

    • 0
    • 0
    • 0
    Andar a Pé é um dos mais belos textos de Thoreau. Expõe a sua filosofia de vida e estabelece a arte de caminhar como a forma mais intensa de despertar os sentidos e a alma humana. Um verdadeiro hino de amor à natureza profunda e original, um manifesto pela liberdade que foi escrito muito para lá do seu tempo. A vida reside no lado selvagem. O mais vivo é o mais selvagem. O que ainda não se subjugou ao homem, a terra retempera-o. Aquele que avança em frente incessantemente, nunca descansando das tarefas, se desenvolve depressa e exige infinitamente à vida, irá sempre encontrar-se num novo país ou no meio selvagem, rodeado da matéria-prima da vida.
    
    É como se se transpusesse os troncos das árvores derrubadas das florestas primitivas. Esperança e futuro não estão nos relvados ou nos campos cultivados, nem nas vilas ou cidades, mas nos pântanos impermeáveis e instáveis. É preciso caminhar e prestar atenção, não é preciso ir muito longe. Afinal, o essencial da condição humana reside na simplicidade e não no acumular persistente de coisas.
    Show book