Instant satisfaction for your thirst for knowledge!
Add this book to bookshelf
Grey
Write a new comment Default profile 50px
Grey
Read online the first chapters of this book!
All characters reduced
Duas vezes draMática - cover

Duas vezes draMática

Natasha Centenaro

Publisher: EDIPUCRS

  • 0
  • 0
  • 0

Summary

Para romper a tradição hegemônica da palavra masculinista e de personagens femininas objetificadas, duas vezes draMática é um projeto estético (político) de reapresentação da escrita dramatúrgica, de um teatro feminista contemporâneo. São mulheres duas vezes dramáticas, em cena e na palavra: do discurso e do desejo, de sangue e de corporeidades, de sexo.

Other books that might interest you

  • O Corvo - cover

    O Corvo

    Edgar Allan Poe

    • 0
    • 0
    • 0
    Um livro de Edgar Allan PoeAutor, poeta, editor e crítico literário americano, fez parte do movimento romântico americano (1809-1849)
    Show book
  • A linguagem da luz - cover

    A linguagem da luz

    Jorge Ortiz Robla

    • 0
    • 0
    • 0
    Como reconhece Ángel Guinda, a palavra poética de Jorge Ortiz Robla é fértil por ser tão primordial. Os quatro elementos (água, ar, fogo, terra) conformavam já chaves simbólicas nos seus dois primeiros livros: 'A simetria dos insectos' e 'Presbicia'. Reaparecem em A linguagem da luz. Emergem, a partir da sua estrutura profunda de pensamento, sentimento e desejo. Torna-se alentador que um poeta ainda jovem espalhe as sementes da elegia, visibilize liricamente a morte nesta época opaca que a oculta e despreza. Ortiz Robla avança através da transitoriedade do tempo, confirma-nos o que é luminoso, expansivo e frutífero no que é epifánico. Com a bela e sensível tradução da poeta Sandra Santos, A linguagem da luz, do poeta espanhol Jorge Ortiz Robla, é editado agora em português e aporta em Lisboa, a cidade iluminada e sempre saudosa, melancólica e orgulhosa de sua grande beleza.
    Show book
  • Palavras correndo atrás de textos - Poemas e outros escritos - cover

    Palavras correndo atrás de...

    Henrique Alberto De Medeiros Filho

    • 0
    • 0
    • 0
    As buscas de respostas da vida que não se disponibilizam, através de literatura que expõe as fragilidades do homem e seus fazeres, pensamentos e individualidades aparecem descritas em Palavras Correndo Atrás de Textos. Dividido em poesias e outros escritos, esta é a quinta publicação de Henrique de Medeiros, que é também autor dos títulos: O Azul Invisível do Mês que Vem; Pirâmides de Palavras e Que as Dores se Transformem em Cores; além de roteirizar e editorar “David Cardoso, o Rei da Pornochanchada” (autobiografia memorialista).
    Show book
  • 40 - cover

    40

    Luis Maffei

    • 0
    • 0
    • 0
    Em 40, o autor, através de uma visão larga e profunda, passa por importantes estágios da existência, como nascimento, primeira infância, aquisição da língua, escola, adolescência e boa parte da idade adulta. Em cada poema, um estágio da vida e muitas de suas inúmeras experiências. Identificação, reconhecimento e indagação fazem repensar a existência e estão inclusas no processo, não só de Maffei, mas de quem se depara com seus poemas. O livro sai do ano 1974 e chega a 2014 trazendo, poema a poema, não apenas uma trajetória de vida, mas uma trajetória poética – a autobiografia é inevitável, mas  a memória que se constrói só há em partilha. Além disso, passeia por momentos históricos e datas festivas, com destaque para o Carnaval, período que marca a ocasião do nascimento do autor e, consequentemente, de seus aniversários, como é possível encontrar nos poemas “1974”, “1978”, “1992” e “2003”. O Carnaval acaba por ser uma metáfora forte do livro, assim como o incêndio do Edifício Joelma, em São Paulo, ocorrido dias antes do nascimento do poeta: vida e morte, festa e tragédia, de braços dados. Neste conjunto orgânico, é possível ter contato com muitas maneiras de a poesia se constituir. A já conhecida maestria formal do autor, que explora e inova a sextina, o soneto e outras formas fixas, não ignora a potência do verso livre e, em certos poemas, uma experimentação que toca limites radicais.
    Show book
  • Devaneios da minh'alma - cover

    Devaneios da minh'alma

    José Wilker Da Silva

    • 1
    • 2
    • 0
    Este livro destina-se às pessoas que sentem necessidade de amadurecer a mente e a forma de pensar. Convém que façamos uma introspecção, olhar para dentro de nós e verificar todos os utensílios da casa que és tu.
    Show book
  • Paisagem antiga - cover

    Paisagem antiga

    Alcinéa Cavalcante

    • 0
    • 0
    • 0
    Lançado na Bienal Internacional, o livro "Paisagem Antiga" da escritora, poeta e jornalista amapaense Alcinéa Cavalcante, reúne poemas e crônicas, recheados de cores, sabores,ternura, estrelas, lirismo. Os  poemas são de uma leveza admirável, com palavras exatas e frases sintéticas que atingem a essência da poesia lírica. Das crônicas - também chamadas de "cronipoemas"- surgem imagens plenas de ternura em textos bem construídos, onde há a junção dos estilos jornalístico e poético.
    Show book