Join us on a literary world trip!
Add this book to bookshelf
Grey
Write a new comment Default profile 50px
Grey
Subscribe to read the full book or read the first pages for free!
All characters reduced

Other books that might interest you

  • Aleatoriedades - cover

    Aleatoriedades

    Cláudia Almeida

    • 0
    • 0
    • 0
    “Não sei precisar por quantos anos já acompanho a Cláudia nessa aventura de escrever, da mesma maneira que perdi a conta das múltiplas personagens às quais suas palavras já me apresentaram. De bailaoras andaluzes a moradoras de uma Copacabana que não existe mais, só posso afirmar que são encontros cheios de delicadeza e poesia. Fico pra lá de orgulhosa – e com o coração quentinho – por ter merecido sua confiança e por ter provocado algumas dessas histórias maravilhosas no curso Terapia da Palavra. Podem mergulhar. Ler a Cláudia é se perder (só que do jeito bom).” Maria Rachel, Terapia da Palavra.
    “Cláudia é narradora por excelência. Quando lemos seus textos, nos sentimos ao seu lado, como se ela nos conduzisse e nos mostrasse o que tem diante dos olhos.” Gilberto Martins, Palavra é Arte.
    Show book
  • 40 - cover

    40

    Luis Maffei

    • 0
    • 0
    • 0
    Em 40, o autor, através de uma visão larga e profunda, passa por importantes estágios da existência, como nascimento, primeira infância, aquisição da língua, escola, adolescência e boa parte da idade adulta. Em cada poema, um estágio da vida e muitas de suas inúmeras experiências. Identificação, reconhecimento e indagação fazem repensar a existência e estão inclusas no processo, não só de Maffei, mas de quem se depara com seus poemas. O livro sai do ano 1974 e chega a 2014 trazendo, poema a poema, não apenas uma trajetória de vida, mas uma trajetória poética – a autobiografia é inevitável, mas  a memória que se constrói só há em partilha. Além disso, passeia por momentos históricos e datas festivas, com destaque para o Carnaval, período que marca a ocasião do nascimento do autor e, consequentemente, de seus aniversários, como é possível encontrar nos poemas “1974”, “1978”, “1992” e “2003”. O Carnaval acaba por ser uma metáfora forte do livro, assim como o incêndio do Edifício Joelma, em São Paulo, ocorrido dias antes do nascimento do poeta: vida e morte, festa e tragédia, de braços dados. Neste conjunto orgânico, é possível ter contato com muitas maneiras de a poesia se constituir. A já conhecida maestria formal do autor, que explora e inova a sextina, o soneto e outras formas fixas, não ignora a potência do verso livre e, em certos poemas, uma experimentação que toca limites radicais.
    Show book
  • Coleção de Autoras em Português - cover

    Coleção de Autoras em Português

    Various Various

    • 0
    • 0
    • 0
    Nesta coleção, os voluntários do Librivox reuniram várias obras de autoras que escreveram em Língua Portuguesa. A literatura lusófona, do século XVII ao século XX, vem aqui representada por algumas de suas maiores escritoras. (Sumário por Leni)
    Show book
  • O sol abate-se - cover

    O sol abate-se

    Elsa Ribeiro Alves

    • 0
    • 0
    • 0
    Inaugura-se a colecção Claro Enigma, inspirada em Carlos Drummond de Andrade e coordenada pelo professor, poeta e crítico António Carlos Cortez, com a poesia revelada em 'O sol abate-se', de Elsa Ribeiro Alves. Nesta estreia em poesia, os versos de Elsa Alves vêm alicerçados em cheiros, sensações e figuras familiares que, mesclados pela poeta, geram uma realidade inquietante e palpável. Em seus versos, ora breves, sempre intensos, a autora cria imagens que nos invadem e transportam. Com o prefácio do coordenador, entre estas páginas, sabemos que algo mudou e essas transformações são descritas pela autora, que nos conduz ao longo de uma quase distopia centrada à volta do abatimento do sol.
    Show book
  • Herói do mar - cover

    Herói do mar

    Ester Vaz

    • 0
    • 0
    • 0
    "O livro 'Herói do Mar' assinala a estreia literária da escritora Ester Vaz. Um poema longo, ao modo épico, evoca o primeiro verso do hino 'A portuguesa', em representação ao país, sua história e sua arte greco-romana: "Heróis do mar, nobre povo / Nação valente, imortal / Levantai hoje de novo / O esplendor de Portugal!". Na escrita de Ester, traça-se um poema que não pede permissão para nos envolver, como um mergulho no mar, onde o leitor baila com as vagas, nas idas e vindas de um relacionamento, que semelha ao baloiço do mar. Por ora é suave, e por vezes mostra sua face cruel. A poeta entrelaça o leitor em seus tentáculos, num texto corrido, único, monolítico, feito o oceano – imenso, inescapável. Neste mergulho do destino, o amor abandonado chega à tona apenas para recuperar o fôlego e voltar a submergir."
    Show book
  • Cartas Fraternas e outros poemas - cover

    Cartas Fraternas e outros poemas

    Daniel Oliveira Costa

    • 0
    • 0
    • 0
    Cartas fraternas e outros poemas', o livro de estreia de Daniel Costa, é cheio das levezas que nascem de quem quer ser gauche na vida. Nele está a visão daquilo que mais ninguém vê, a medida exata entre o desespero e a serenidade. Em sua caneta-lâmina, o poeta corta fundo na carne, essa que nos traz fome de justiça, de luz, de sentido. Ele vê a janela aberta, reencontra a velha vontade de voar, o senso de sobrevivência que nos puxa para fora da bolha cinza que envolve a tudo.
    Show book