Join us on a literary world trip!
Add this book to bookshelf
Grey
Write a new comment Default profile 50px
Grey
Subscribe to read the full book or read the first pages for free!
All characters reduced
Pedaços - cover

Pedaços

Elizabeth Rachid Dias

Publisher: Autografia

  • 0
  • 0
  • 0

Summary

“O tempo foi passando, eu já havia me esquecido deste caderno. Porém, folheando os velhos guardados, deparei-me com ele. Reli alguma coisa. Hoje volto a deixar nestas folhas mais alguns pedaços de minha vida.”

Other books that might interest you

  • Aleatoriedades - cover

    Aleatoriedades

    Cláudia Almeida

    • 0
    • 0
    • 0
    “Não sei precisar por quantos anos já acompanho a Cláudia nessa aventura de escrever, da mesma maneira que perdi a conta das múltiplas personagens às quais suas palavras já me apresentaram. De bailaoras andaluzes a moradoras de uma Copacabana que não existe mais, só posso afirmar que são encontros cheios de delicadeza e poesia. Fico pra lá de orgulhosa – e com o coração quentinho – por ter merecido sua confiança e por ter provocado algumas dessas histórias maravilhosas no curso Terapia da Palavra. Podem mergulhar. Ler a Cláudia é se perder (só que do jeito bom).” Maria Rachel, Terapia da Palavra.
    “Cláudia é narradora por excelência. Quando lemos seus textos, nos sentimos ao seu lado, como se ela nos conduzisse e nos mostrasse o que tem diante dos olhos.” Gilberto Martins, Palavra é Arte.
    Show book
  • 40 - cover

    40

    Luis Maffei

    • 0
    • 0
    • 0
    Em 40, o autor, através de uma visão larga e profunda, passa por importantes estágios da existência, como nascimento, primeira infância, aquisição da língua, escola, adolescência e boa parte da idade adulta. Em cada poema, um estágio da vida e muitas de suas inúmeras experiências. Identificação, reconhecimento e indagação fazem repensar a existência e estão inclusas no processo, não só de Maffei, mas de quem se depara com seus poemas. O livro sai do ano 1974 e chega a 2014 trazendo, poema a poema, não apenas uma trajetória de vida, mas uma trajetória poética – a autobiografia é inevitável, mas  a memória que se constrói só há em partilha. Além disso, passeia por momentos históricos e datas festivas, com destaque para o Carnaval, período que marca a ocasião do nascimento do autor e, consequentemente, de seus aniversários, como é possível encontrar nos poemas “1974”, “1978”, “1992” e “2003”. O Carnaval acaba por ser uma metáfora forte do livro, assim como o incêndio do Edifício Joelma, em São Paulo, ocorrido dias antes do nascimento do poeta: vida e morte, festa e tragédia, de braços dados. Neste conjunto orgânico, é possível ter contato com muitas maneiras de a poesia se constituir. A já conhecida maestria formal do autor, que explora e inova a sextina, o soneto e outras formas fixas, não ignora a potência do verso livre e, em certos poemas, uma experimentação que toca limites radicais.
    Show book
  • Pedro Geraldo Escosteguy - cover

    Pedro Geraldo Escosteguy

    Soraya Patricia Rossi Bragança

    • 0
    • 0
    • 0
    Pedro Geraldo Escosteguy destacou-se como membro do Grupo Quixote e por sua contribuição no processo de ruptura com o passado. Publicou livros de poesias, artigos de crítica em jornais e, na Revista O Cruzeiro, os “anticontos”. Nas artes plásticas, participou dos grandes movimentos de vanguarda dos anos 1960 e 1970 e atuou como um dos mentores da vanguarda tipicamente brasileira, lançando as bases de uma arte relacionada à realidade, à ideia do novo e à participação do espectador. Seu trabalho é reconhecido nacional e internacionalmente, tendo participado de exposições dentro e fora do país e sendo premiado em muitas delas. Foi o criador de Pintura Tátil, que, na opinião de Oiticica, é a primeira obra plástica propriamente dita com caráter participante no sentido político. Suas ousadias questionam o futuro de forma responsável e ativa, levando o público à uma experiência visual da realidade.
    Show book
  • Uxé - cover

    Uxé

    Ana Crespo

    • 0
    • 0
    • 0
    Uxé mora no Pantanal. Todos os dias ela pesca com seu pai, faz bichinhos de barro com sua avó, e pinta o rosto de vermelho.  Ela é uma menina feliz.  Um dia, a vovó fica muito doente. Desesperada, Uxé embarca numa aventura em busca de remédio para a vovó, sem imaginar que vai enfrentar um grande perigo.
    Show book
  • Meu coração é uma fábrica de arritmias sentimentais - cover

    Meu coração é uma fábrica de...

    Bruna Tschaffon

    • 0
    • 2
    • 0
    Os cinquenta e quatro poemas deste livro foram frutos de todas as peripécias sentimentais de um coração que, ora acelera em arrebatamento, ora se tranquiliza em calmaria. Transitam da ingenuidade em “Procura-se” ao ceticismo em “Não é aqui” em ataque fulminante, cada um deles nascido de um coração produtivo e poético. O leitor é convidado a mergulhar nos batimentos e participar da montanha-russa emocional.
    Show book
  • A Volta - cover

    A Volta

    Ananita Rebouças

    • 0
    • 0
    • 0
    “A Volta” é o encontro da palavra e dossentimentos, uma catarse de vida feita de maneiraverdadeira e apaixonante, pois carrega todas asverdades que são possíveis de sentir.Cada poesia nos faz entender melhor o nosso dia adia, e nos permite viver as possibilidades de todos osmomentos, sejam eles bons ou ruins, mas sobretudoé capaz de nos proteger contra possíveisdescaminhos.“A Volta” é, literalmente, o regresso à imaginaçãoe à fertilidade que a literatura nos permite, pois lendoeste livro sentimos e entendemos melhor tantasengrenagens que até então não se permitiam mover.
    Show book