"There is more treasure in books than in all the pirates' loot on Treasure Island." - Walt Disney
Add this book to bookshelf
Grey
Write a new comment Default profile 50px
Grey
Subscribe to read the full book or read the first pages for free!
All characters reduced

Other books that might interest you

  • Consumo de Ativismo - cover

    Consumo de Ativismo

    Ana Paula De Miranda, Izabela...

    • 0
    • 0
    • 0
    Estamos numa era de netativismo crescente. Percebendo essa nova dinâmica, marcas buscam se apropriar dos discursos de grupos e movimentos sociais para se mostrarem mais atentas e engajadas com as demandas do tempo presente. Transformam o que seria uma relação de potencial confrontação entre consumo e ativismo em um cenário de consumo de ativismo disseminado por empresas dos mais diversos setores. Além das marcas, consumidores-cidadãos também estão buscando demonstrar sua adesão ou apoio a causas atuais, através do uso da moda, agora visibilizada em rede. O consumo de ativismo parece se opor ao consumo ostentatório professado por Veblen, entretanto, sob um olhar mais agudo, considerando os valores culturais ocidentais contemporâneos e o espírito do tempo presente, podemos perceber que ser um consumidor de ativismo, é talvez uma ideia em si mesma a ser ostentada.
    Show book
  • O problema da pena - cover

    O problema da pena

    Francesco Carnelutti

    • 0
    • 0
    • 0
    "O Problema da Pena" foi publicado e estreou para o afã dos estudiosos da ciência jurídica no ano de 1945. Nesta obra, Carnelutti já inicia alertando sobre a necessidade de um estudo mais dissecado da pena como sanção: “Sabemos hoje muitas coisas em relação ao delito; mas muitas menos em relação à pena; e o pouco que se sabe dela é mais do lado do corpo que do lado do espírito. É hora de procurar reagir
    contra esse abandono”.
    Carnelutti nos faz entender que a prisão já cerceia um dos bens mais importantes da vida: a liberdade. Devemos sim, punir os infratores com a privação de suas liberdades,
    já que a prisão, no momento, é a “pena por excelência”, mas para isso devemos dar condições humanas para uma regeneração de corpo e do espírito. Uma educação de base somada com condições salutares fornecerão ao reeducando o seu retorno à sociedade que lhe expurgou do seu meio. Não devemos desejar
    prisões parecidas com os antigos porões medievais ou calabouços sombrios.
    Show book
  • Plena Voz - A arte e a prática da presença vocal - cover

    Plena Voz - A arte e a prática...

    Barbara McAfee

    • 0
    • 0
    • 0
    Você se fica rouco quando fala muito? Acha que passa mensagens diferentes daquilo que tenta expressar? Acredita que as pessoas ficam cansadas de escutá-lo? Mostra dureza quando gostaria de demonstrar carinho? Ou é visto como frágil quando precisaria impor autoridade?Aprenda a usar sua voz da forma mais adequada para cada situação. Para isso, neste audiolivro, Barbara McAfee trabalha com o conceito de “plena voz” e “presença vocal”. Todas as pessoas têm os Cinco Elementos identificados por Barbara como nuances da voz: Terra, Fogo, Água, Ar e Metal. Precisamos, às vezes, equilibrar o que nos falta ou sobra de cada elemento para assim encontrarmos nossa “plena voz”.
    Show book
  • Os Tribunais e o Direito à Saúde - cover

    Os Tribunais e o Direito à Saúde

    Antônio José Avelas Nunes

    • 0
    • 0
    • 0
    No Brasil, a judicialização do direito à saúde tem servido de pano de fundo para tal reflexão, levando,inclusive à realização de audiência pública junto ao STF , além da produção de inúmeras decisões jurisdicionais e publicações acadêmicas. Muitos destes aspectos estão presentes no debate proposto por Scaff e Avelãs Nunes, permitindo uma interface argumentativa, e um intercâmbio de experiências que nos leva a repensar posturas e pré-compreensões até então presentes na ordinariedade do mundo jurídico-político.
    Show book
  • Livro de Vocabulário Romeno - Uma Abordagem Focada Em Tópicos - cover

    Livro de Vocabulário Romeno -...

    Pinhok Languages

    • 0
    • 0
    • 0
    Este livro de vocabulário contém mais de 3000 palavras e frases em romeno que estão agrupadas por tópico para poder escolher mais facilmente o que deve aprender primeiro. Além disso, a segunda metade do livro contém duas secções de índice remissivo que podem ser utilizadas como dicionários básicos para procurar palavras em qualquer uma das duas línguas. As três partes juntas fazem com que este livro seja um excelente recurso para os estudantes de todos os níveis.
     
    Como utilizar este livro de vocabulário de romeno?Não sabe por onde começar? Recomendamos que estude primeiro os capítulos dos verbos, adjetivos e frases da primeira parte do livro. Isto dar-lhe-á uma excelente base para estudar mais e suficiente vocabulário em romeno para a comunicação básica. Os dicionários na segunda metade do livro podem ser utilizados sempre que precisar de procurar palavras que ouve na rua, palavras em romeno para as quais quer saber a tradução ou simplesmente aprender algumas palavras novas por ordem alfabética.
     
    Algumas reflexões finais:Os livros de vocabulário existem há séculos e, tal como acontece com tudo o que existe há algum tempo, não são muito modernos e são um pouco aborrecidos, mas normalmente funcionam muito bem. Juntamente com as partes básicas do dicionário de romeno, este livro de vocabulário de romeno é um excelente recurso para apoiá-lo no processo de aprendizagem e é particularmente útil quando não tiver acesso à Internet para procurar palavras e frases.
    Show book
  • A Atuação do Estado na Economia como Acionista Minoritário - Possibilidades e Limites - cover

    A Atuação do Estado na Economia...

    Filipe Machado Guedes

    • 0
    • 0
    • 0
    Esta obra trata da atuação do Estado na economia como acionista minoritário, com enfoque especial na realidade brasileira. Em um primeiro momento, são analisadas as possibilidades do uso das participações minoritárias, destacando-se que, embora tidas como propriedade pública sobre parcelas do capital social de empresas privadas, essas participações não configuram, somente, forma de exploração direta da atividade econômica, devendo ser compreendidas como uma técnica jurídica ou uma ferramenta da qual o Estado pode se valer para realizar as diferentes modalidades de intervenção na economia. Nesse sentido, demonstra-se como as participações minoritárias possibilitam a atuação do Estado como empresário, regulador, fomentador e investidor. Em seguida, aprofunda-se nos mecanismos societários que a Administração Pública pode utilizar para que, mesmo como acionista minoritária, possa influenciar a direção das empresas público-privadas, tais como os acordos de acionistas e as golden-shares. A obra discorre ainda sobre a natureza jurídica e as vantagens comparativas da atuação estatal na economia por meio de participações minoritárias, promovendo uma avaliação crítica acerca dos limites a ela impostos e traçando uma distinção entre o uso das participações públicas como opção legítima de atuação na economia versus sua aplicação como burla ao regime jurídico aplicável às empresas estatais, mediante o controle societário disfarçado e a simulação de contratações administrativas. Por fim, o livro aborda a polêmica questão da escolha de sócios privados pela Administração Pública, bem como da incidência de controles públicos sobre as empresas participadas.
    Show book